Início

Últimas notícias

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Íris e Marconi mudam marqueteiros e estratégia

Ataques contra tucano devem aumentar, após escolha de marqueteiro de republicano pelo peemedebista

Além das trocas no comando de marketing das campanhas, Iris Rezende (PMDB) e Marconi Perillo (PSDB) começam a definir novas estratégias para a reta final das eleições para governador por Goiás.

Marconi dispensou Adriano Gehres e convocou Paulo de Tarso, que trabalhou na campanha de 2002 do tucano.

Iris Rezende também substituiu Hamilton Carneiro e chamou Jorcelino Braga (PP), que trabalhou na campanha de Vanderlan Cardoso (PR), no primeiro turno.

A convocação de Braga, além de selar o apoio de Vanderlan a Iris no segundo turno, ainda indica que a campanha do peemedebista terá um tom mais agressivo contra Marconi.

Jorcelino Braga é mais um desafeto do tucano. Foi ele quem anunciou que Marconi teria deixado déficit nas contas do Estado, em 2007, quando era secretário da Fazenda de Alcides Rodrigues (PP).

Braga e o candidato do PSDB também chegaram a trocar farpas pela imprensa, o que levou Marconi a protocolar ação na Justiça, em janeiro deste ano.

Além de adquirir um tom mais crítico, o programa do peemedebista muda de foco com o afastamento de Hamilton Carneiro.

Hamilton foi criticado dentro do próprio PMDB por não fazer um programa com linguagem mais jovem e acessível.

Já para Marconi, as mudanças no programa envolvem reforço no tom emotivo e mais conteúdo político, sem enfrentamentos.

Ainda assim, as mudanças maiores devem ocorrer nos programas de Iris Rezende, já que ele chegou ao segundo turno atrás de Marconi.

As eleições de 3 de outubro deram 46% dos votos ao tucano e 36% dos votos ao peemedebista.

ESCRITO POR RODRIGO VIANA do IG GOIÂNIA
TÍTULO ALTERADO PELO BLOGUEIRO
FONTE DA MATÉRIA: SITE DA RÁDIO FELIZ - http://www.radiofeliz.com.br/site/09/10/2010/iris-deve-%E2%80%98bater%E2%80%99-em-marconi-como-vanderlan/

Nenhum comentário:

Postar um comentário